Sabia que agora tem de declarar no IRS o carro de serviço?

Sabia que agora tem de declarar no IRS o carro de serviço

Na Orçamento de Estado para 2014 entra também a reforma do IRS e este com algumas alterações desagradáveis.

Esta reforma do IRS prevê o agravamento considerável nas taxas de tributação autónoma que incide sobre os encargos com viaturas ligeiras de passageiros ou mistas.

Tendo como base o custo de aquisição da viatura, o valor taxado andará entre os 15 e 35% e agravadas em 10 pontos percentuais no caso de prejuízos fiscais.

Segundo a PWC – PricewaterCoopers, a tributação recai sobre as despesas anuais que a viatura gera para a empresa, ou seja, mesmo que uma empresa já possua viaturas ao serviço, estas irão ser tributadas em 20%.

Isto não mais é do que, como o Governo quer que os trabalhadores declarem os seus carros em sede de IRS, o Governo pressiona as empresas com esta taxação no IRC das empresas.

Booking.com
  • ML

    Já é assim à 10 anos… Consultem um Fiscalista!!

    • Olá ML, antes de mais obrigado pelo seu comentário.
      A questão a que se refere, deve ser ao facto de os contribuintes serem obrigados a declarar às finanças as mais valias que têm, como por exemplo o carro de serviço. Presumimos que é a isso que se refere quando nos diz para consultar um fiscalista.
      O artigo refere-se ao facto de o fisco passar a tributar as empresas, por essas regalias.

      Cumprimentos,

      A Equipa AO

      • ML

        Boa tarde,

        Eu é que agradeço os V/ artigos e respectivos comentários.

        Não sou fiscalista e, por isso, não gostaria de tecer grandes comentários. Contudo à mais de 10 anos que os carros de função são considerados Rendimento e não mais valias. Tanto os Empregados como a Empresa tinham a obrigação de o fazer.

        Julgo que o que agora mudou é a forma de o fazer.

        Mas é como referi, seria interessante ouvir um especialista fiscal.

        Cumps.

        • Olá, mais uma vez obrigado pelo seu comentário. Vamos certamente convidar um fiscalista para escutarmos a sua opinião acerca deste assunto.

          Muito obrigado.

          Cumprimentos,

          A Equipa AO