Mais um aumento! Imposto Único de Circulação (IUC) sobe 10%

IUC

Os números ainda não definitivos e a fonte é o Jornal de Negócios, os carros mais poluentes e potentes são alvo de uma enorme subida do imposto cobrado sobre esta rubrica de cálculo. Até aqui, tudo bem. O que não está bem é o aumento proposto para os carros mais ecológicos em cerca de 1,3%.

Foi com base na versão preliminar do OE (Orçamento de Estado) que o Jornal de Negócios teve acesso aos dados que revelam que o Imposto Único de Circulação (IUC) sobe 10% para os automóveis de cilindrada elevada, isto é, veículos com cilindradas superiores a 2500 cc ou com emissões de CO2 acima de 180 g/km de CO2. Enquanto os modelos menos potentes e menos poluentes terão, no próximo ano, um agravamento na ordem de 1,3%.

A título de exemplo, um automóvel de com um motor de 1.5 diesel com 90 cv e com uma emissão de CO2 de 105 g/km, pagou 128€ e com a revisão das tabelas, este mesmo automóvel irá sofrer irá pagar 130,10€ pelo IUC.

Mas, as alterações não se ficam por aqui, pois a outra alteração prevista para o IUC é que nos ligeiros de passageiros é utilizado um coeficiente no cálculo do imposto que serve para diferenciar o valor consoante o ano de aquisição, baixando o valor à medida que o carro vai envelhecendo. Mas, que segundo esta versão preliminar do OE, essa diferenciação desaparece para os carros a partir de 2010, mantendo-se para os veículos.

Segundo a versão preliminar do Orçamento do Estado, essa diferenciação desaparece para carros a partir de 2010, mantendo-se para os veículos de 2009, 2008 e 2007.

 

Tabelas em vigor em 2013

 

Cilindrada Taxa CO2 Taxa
Até 1.250 cm3 27,87 Até 120g/Km 57,19
Mais de 1.250 cm3 até 1.750 cm3 55,94 Mais de 120g/km até 180g/km 85,69
Mais de 1.750 cm3 até 2.500 cm3 111,77 Mais de 180g/km até 250g/km 186,1
Mais de 2.500 cm3 382,51 Mais de 250g/km 318,8

Ano de aquisição 

 

Ano Coeficiente
2007 1,00
2008 1,05
2009 1,10
2010 em diante 1,15

Ver mais tabelas

Booking.com