Carro com sistema Start & Stop e o problema das baterias

Os automóveis equipados com sistemas start-stop passam a usar uma nova geração de baterias automóveis

Carro com sistema Start & Stop e o problema das baterias

Carro com sistema Start & Stop e o problema das baterias. Os automóveis equipados com sistemas start-stop passam a usar uma nova geração de baterias automóveis.

Nos dias de hoje são muitos os sistemas que os automóveis têm para responder às necessidades ambientais. O Start & Stop é um dos sistemas que visam a redução das emissões de CO2 e ao mesmo tempo a redução do consumo de combustível.

A intenção deste sistema é boa, mas, nem tudo é positivo. Se tirarmos a redução das emissões de CO2 e a pequena redução de consumo de combustível, o sistema Start & Stop tem o efeito negativo no motor.

Sabemos que é sobre as baterias que vamos falar. Mas, existem órgãos que são muito desgastados por via do desligar e ligar do motor. Estamos a falar do motor de arranque, que acabam por avariar e são peças cada vez mais caras. Depois, os veículos que usam corrente de distribuição em vez das vulgares correias de distribuição, veem a necessidade de a substituir mais cedo. Estes são apenas dois órgãos que têm mesmo de ser substituídos havendo outros.

Para alimentar este sistema, que está sempre a desligar e a ligar, necessita de uma boa bateria. Mas, não pode ser uma bateria qualquer.

Têm de ser as novas baterias com fibra de vidro absorvente. Este tipo de bateria têm um ciclo de vida quatro vezes maior e podem ser recarregadas com a condução mais rapidamente.

Alguns carros de maiores dimensões já estão a usar duas baterias. Uma para o start-stop e outra para os sistemas elétricos. A segunda, com 48 volts e maiores dimensões, mas que requer um adaptador de corrente, pois muitos sistemas elétricos continuam a funcionar só com 12 volts.

Booking.com