Atropela duas pessoas, culpa o eclipse e não foi multada

Atropela duas pessoas, culpa o eclipse e não foi multada

Uma mulher de 26 anos, justificou-se com o eclipse, dizendo que tinha perdido a visão devido ao brilho, que consistia da passagem da lua em frente ao sol e que isso causou o atropelamento de duas pessoas, mãe e filha, numa das ruas do sul de São Francisco, nos Estados Unidos.

As duas vítimas atravessavam a estrada numa passadeira, quando foram colhidas. O acidente aconteceu pelas 7h10 da manhã de domingo. A mãe sofreu ferimentos ligeiros, mas a filha, de 10 anos de idade, acabou por partir um braço.

A condutora, não só não foi acusada de qualquer crime, como nem sequer recebeu uma multa…

Booking.com