As equipas de Ayrton Senna na Fórmula 1

Provavelmente um dos melhores pilotos de sempre, Ayrton Senna deixou um enorme legado

As equipas de Ayrton Senna na Fórmula 1

As equipas de Ayrton Senna na Fórmula 1. Provavelmente um dos melhores pilotos de sempre, Ayrton Senna deixou um enorme legado.

Considerado um dos melhores pilotos de sempre, o brasileiro Ayrton Senna deixou um enorme legado durante os dez anos em que esteve na Fórmula 1. Durante essa década na categoria, Senna correu por várias equipas, conquistou três títulos mundiais, venceu 41 corridas e foi pole position 65 vezes.

Ao longo do seu percurso pelas pistas, o brasileiro passou por quatro equipas de Fórmula 1: Toleman, Lotus, McLaren-Honda e Williams. Em cada uma elas, Senna conseguiu deixar a sua marca, com um desempenho impressionante em corridas históricas.

As equipas de Ayrton Senna na Fórmula 1

Por: Instituto Ayrton Senna | CC BY 2.0

Toleman (1984): primeiros pontos do brasileiro na Fórmula 1

Ayrton Senna, Toleman TG184

Por Juan Pablo Donoso | CC BY-SA 2.0

Em 1984, ano da estreia de Senna na Fórmula 1, o piloto foi um dos grandes destaques daquela temporada. É importante destacar que nesse momento a Toleman era uma equipa pequena, que estava apenas há três épocas na Fórmula 1.

Mesmo estando numa equipa sem grandes recursos, Senna mostrou que vinha para ganhar e pontuou em três etapas na sua época de estreia: Bélgica (6º), África do Sul (6º) e Mónaco (2º).

Vídeo | Primeiros Pontos de Ayrton Senna

Lotus (1985-1987): primeira vitória na carreira de Senna e conexão com o Estoril e Portugal

Sem grandes possibilidades de lutar por vitórias importantes na Toleman, Senna foi para a Lotus em 1985, ano em que conquistou o seu primeiro título na categoria. O triunfo histórico veio no GP do Estoril, numa corrida muito chuvosa.

Ayrton_Senna`s_Lotus97T

Por Estoril | CC BY-SA 2.0

Mostrando um enorme domínio apesar da chuva, foi a primeira vez que o brasileiro fez uma pole, ganhou a corrida e ainda garantiu a volta mais rápida na Fórmula 1.

Além de ter servido de palco para a primeira vitória de Senna na Fórmula 1, o Estoril tem uma conexão especial com o automobilismo. Nos jardins do Casino do Estoril, considerado o maior casino de Portugal e famoso por ter inspirado o filme Casino Royale de Ian Fleming, têm lugar várias exposições de carros clássicos todos os anos.

Vídeo – Ayrton Senna Grande Prémio do Estoril

Depois do triunfo no Estoril, Senna voltaria a vencer mais quatro corridas com a Lotus: em Espanha e nos Estados Unidos em 1986, assim como no Mónaco e nos Estados Unidos em 1987.

Senna adorava Portugal e era sócio do Belenenses. Devido ao seu clima ameno e às belas praias que o caracterizam, Senna escolheu morar no Algarve em 1991, em busca de paz e tranquilidade durante os períodos de folga na Europa.

McLaren-Honda (1987-1993): tricampeonato, primeira vitória no Brasil e rivalidade com Prost

Ayrton Senna - Monaco 1992

Por Iwao>>>CC BY-SA 2.0

A passagem de Senna pela McLaren-Honda rendeu ao brasileiro três títulos mundiais (1988, 90 e 91). Durante seis temporadas na equipa inglesa, Senna venceu 35 vezes, subiu ao pódio em outras 20 oportunidades e conquistou 46 das 65 pole positions da sua carreira.

Em 1991, Senna fez história ao vencer a sua primeira corrida no Brasil. Mesmo com sérios problemas na caixa de velocidades, o brasileiro superou-se para garantir o triunfo. “Tive que mudar a maneira de guiar. Nas curvas em sexta [velocidade], o motor empurrava o carro para fora e eu achei que eu não iria ganhar”, contou o brasileiro após a corrida.

Vídeo – Vitória de Ayrton Senna GP Brasil – Interlagos

Na McLaren-Honda, além de conquistar o tricampeonato, Senna formou com o francês Alain Prost uma das melhores duplas de pilotos de sempre. Muito competitivos, ambos travaram uma rivalidade inesquecível, que rendeu muitas disputas dentro e fora das pistas.

“Eu olho para trás, em como ele era [quando éramos rivais] como um elogio. Eu entendi que a motivação principal de Ayrton – quase a sua única motivação – era concentrar-se em mim e bater-me”, disse Prost em entrevista concedida ao jornalista Charles Bradley.

Williams (1994): o fim de uma era

Williams FW16B de Ayrton Senna

Por Morio>>>CC BY-SA 4.0

Sem vencer um título mundial desde 1991, Senna estava insatisfeito na McLaren-Honda e foi para a Williams com o objetivo de ser campeão mundial logo na primeira época na nova equipa. “Não posso permitir-me ficar mais um ano sem ganhar o campeonato”, disse Senna à imprensa brasileira em 1993.

Com muitos problemas aerodinâmicos e devido às novas tecnologias que estavam a ser implantadas na época de 1994, Senna teve dificuldades em adaptar-se ao novo carro e não terminou as primeiras corridas (Brasil e Argentina). No GP de Imola, na terceira corrida da época, teve lugar o acidente que colocaria um ponto final a toda uma era na Fórmula 1.

Siga-nos no Facebook e fique a par de todas as novidades. Faça gosto e partilhe os nossos artigos. Obrigado ツ