Campeonato Nacional de Ralis em 2RM

Vice-campeões do Grupo RC3 e pódio nas 2RM

Campeonato Nacional de Ralis em 2RM

Campeonato Nacional de Ralis em 2RM. Vice-campeões do Grupo RC3 e pódio nas 2RM.

Para esta derradeira prova do Nacional de Ralis, Paulo Neto e Vitor Hugo tinham ainda ambições na luta pelo título do Grupo RC3. E bem se pode dizer que no final do primeiro dos dois dias do Rallye Casinos do Algarve tudo estava a correr como planeado. Já que a dupla do Citroen DS3 R3T Max estava na liderança. Porém, no segundo dia do rali, o mais longo, com 8 classificativas, Paulo Neto e Vitor Hugo nem uma fizeram. Devido a um problema electrónico no carro, levando à desistência.

Face aos objetivos que tínhamos para esta prova, estava a decorrer tudo como previsto. Conseguimos estar na frente do Grupo RC3, após os cinco primeiros troços do rali, que nos davam a perspetiva de no segundo dia chegarmos aquilo que pretendíamos, que era chegar ao título nesta classificação”, comenta Paulo Neto, explicando então o sucedido no início do segundo dia do rali: “tivemos algumas dificuldades para conseguir por o carro a trabalhar e no acesso para o primeiro troço do segundo dia o mesmo deixou de funcionar e não mais voltou a trabalhar. Estamos convencidos que será um problema electrónico que motivou a nossa desistência”.

Objectivos de Paulo Neto

Ficando próximo de alcançar os seus objetivos, Paulo Neto refere que “foram demasiados azares ao longo do ano que nos condicionaram bastante em termos de resultados. Mesmo tendo liderado em diversas provas nas duas rodas motrizes. Apesar da competitividade do Citroen DS3 R3T Max dentro das duas rodas motrizes. A verdade é que nem sempre tivemos o carro em condições para lutar pelos nossos objetivos. De qualquer forma quero dar os parabéns ao Pedro Antunes pelo título nas duas rodas motrizes. E ao Gil Antunes pela vitória no Grupo RC3, que foram de facto dois grandes adversários”.

Foto Galeria