Toyota a Hidrogénio. Opção mais verde para o nosso planeta

Carro a hidrogénio da Toyota já percorreu 2 milhões de quilómetros

Toyota a Hidrogénio. Opção mais verde para o nosso planeta

Toyota a Hidrogénio. Opção mais verde para o nosso planeta. Carro a hidrogénio da Toyota já percorreu 2 milhões de quilómetros.

O projecto é liderado por uma Startup de mobilidade partilhada Alemã com a ajuda da Toyota. A empresa CleverShuttle, no decurso do seu projecto, usou um Toyota Mirai, que é movido a hidrogénio. Em apenas 24 meses percorreu mais de 2,2 milhões de quilómetros livres de emissões e transportou 567.000 passageiros. Ao todo, a frota da CleverShuttle são 45 Toyota Mirai.

Acerca da CleverShuttle

A Startup CleverShuttle, formou-se em setembro de 2017. Os serviços da empresa são baseados na mobilidade partilhada, ou seja, é utilizada por pessoas interessadas em tecnologia e que se preocupam com o ambiente e desejam uma mobilidade neutra em CO2.

Os seus passageiros podem reservar as suas viagens através de uma aplicação móvel. Este tipo de serviço de mobilidade garante, zero emissões e preços reduzidos, cerca de 40% abaixo dos táxis convencionais.

A parceria Toyota e a CleverShuttle teve início em Setembro de 2017. No início, eram só 20 Toyota Mirai a pilha de combustível e operavam só em Hamburgo. As viaturas eram abastecidas nas estações de reabastecimento da H2 Mobility. A H2 Mobility é uma joint venture que foi criada para expandir a infraestrutura alemã de hidrogénio.

Graças à elevada versatilidade e fiabilidade diárias do primeiro sedan a pilha de combustível do mundo, a CleverShuttle aumentou a frota Toyota Mirai para as atuais 45 unidades que agora estão a ser usadas em três cidades: Hamburgo, Munique e Estugarda.

Toyota a emitir vapor de água desde 2014

Lançado em 2014, o Toyota Mirai, começou a ser comercializado na Alemanha em 2015. Atualmente o modelo nipónico pode ser comprado quer por clientes particulares, quer por cliente empresariais.

O Toyota Mirai tem 4,89 metros, tem uma lotação máxima para 4 pessoas e utiliza apenas hidrogénio como combustível.

O Hidrogénio é convertido em energia elétrica pela pilha de combustível (Fuel Cell) que aciona o motor elétrico de 113 kW/154 cv, emitindo apenas vapor de água e zero emissões de gases poluentes.

Em termos de autonomia, o Toyota Mirai consegue percorrer 500 kms e o mais interessante é o tempo de abastecimento, apenas 3 minutos.

Na nossa opinião, os Srs. Ministros do Ambiente e das Infra-estruturas deviam pensar muito seriamente nesta solução de mobilidade verde.