Pneus com novo sistema de rotulagem até ao final de 2012

Pneus com novo sistema de rotulagem até ao final de 2012

Como é do conhecimento geral, um pneu de má qualidade ou com um piso demasiadamente gasto pode causar grandes problemas de estabilidade a um automóvel, principalmente se o piso estiver molhado ou se a travagem for brusca. Em sentido contrário, os pneus de boa qualidade e em bom estado asseguram a estabilidade dos veículos aumentando a sua aderência à estrada, promovem a redução de emissões de ruído e de consumo de combustível.

Um novo sistema de rotulagem deverá ser introduzido pela União Europeia até ao final de 2012 e que irá ajudar os consumidores na escolha correcta dos pneus mais eficientes, quer em termos de consumo de combustível, de aderência em piso molhado e de emissões de ruído.

Assim, no caso dos pneus que vão equipar os veículos automóveis (C1) e veículos comerciais ligeiros (C2), estas informações figurarão num autocolante colocado no pneu. Para os pneus dos veículos pesados (C3), as informações constarão em alguns documentos técnicos e em alguns sítios Web.

Quais os Benefícios ambientais de pneus mais eficientes?

Os benefícios são brutais. A utilização de pneus mais eficientes em termos de consumo de combustível poderá economizar 6 600 000 toneladas de equivalente-petróleo de combustível até 2020 e reduzir as emissões de CO2 em cerca de 4 milhões de toneladas por ano. Seria o mesmo que retirar 1 300 000 automóveis de passageiros das estradas da UE todos os anos.

Para além de mais eficiência, temos mais segurança rodoviária e menos ruído

As vantagens destes pneus mais eficientes vão para além da eficiência energética, aumentam a segurança, mais aderência ao piso e diminuem o ruído.

Esta nova rotulagem irá classificar o desempenho do pneu na travagem em piso molhado, sendo que os pneus com melhor desempenho podem reduzir a distância de travagem em vários metros e também fornecerão informações sobre os pneus mais silenciosos.

Booking.com