Pneus com novo sistema de rotulagem até ao final de 2012

Pneus com novo sistema de rotulagem até ao final de 2012

Como é do conhecimento geral, um pneu de má qualidade ou com um piso demasiadamente gasto pode causar grandes problemas de estabilidade a um automóvel, principalmente se o piso estiver molhado ou se a travagem for brusca. Em sentido contrário, os pneus de boa qualidade e em bom estado asseguram a estabilidade dos veículos aumentando a sua aderência à estrada, promovem a redução de emissões de ruído e de consumo de combustível.

Um novo sistema de rotulagem deverá ser introduzido pela União Europeia até ao final de 2012 e que irá ajudar os consumidores na escolha correcta dos pneus mais eficientes, quer em termos de consumo de combustível, de aderência em piso molhado e de emissões de ruído.

Assim, no caso dos pneus que vão equipar os veículos automóveis (C1) e veículos comerciais ligeiros (C2), estas informações figurarão num autocolante colocado no pneu. Para os pneus dos veículos pesados (C3), as informações constarão em alguns documentos técnicos e em alguns sítios Web.

Quais os Benefícios ambientais de pneus mais eficientes?

Os benefícios são brutais. A utilização de pneus mais eficientes em termos de consumo de combustível poderá economizar 6 600 000 toneladas de equivalente-petróleo de combustível até 2020 e reduzir as emissões de CO2 em cerca de 4 milhões de toneladas por ano. Seria o mesmo que retirar 1 300 000 automóveis de passageiros das estradas da UE todos os anos.

Para além de mais eficiência, temos mais segurança rodoviária e menos ruído

As vantagens destes pneus mais eficientes vão para além da eficiência energética, aumentam a segurança, mais aderência ao piso e diminuem o ruído.

Esta nova rotulagem irá classificar o desempenho do pneu na travagem em piso molhado, sendo que os pneus com melhor desempenho podem reduzir a distância de travagem em vários metros e também fornecerão informações sobre os pneus mais silenciosos.

Booking.com
  • Rui Martins

    Este tipo de rotulagem de nada serve, uma vez que ao fim de algum tempo só temos produtos topos de gama, como encontra-mos nos electrodomésticos. Onde proliferam Ás (AAA; AAA+++) e no fim acabamos a comprar chinesisses. E lembro, é tudo produto topo de gama (pelo menos na etiqueta). Em relação aos peneus penso que todas as pessoas sabem o que é bom e sabem escolher o peneu com a melhor relação preço / qualidade. Assim este tipo de legislação só serve para ser usada como um meio de publicidade para as marcas e enganar os utilizadores que no fim têm que pagar toda esta parvoice.

  • Luis Soares

    acho realmente esta nova rotulagem ridícula.

    pneus que gastam menos combustível??? como? são mais redondos que os outros?
    é senso comum que para ter melhor proveito dos pneus, hoje em dia deve-se ter o pneu devidamente cheio de ar com a pressão indicada pelo fabricante! PONTO FINAL!

    TODA A GENTE pneus que nao estejam devidamente Cheios À pressao indicada pelo Fabricante duram menos e prejudicam o consumo de combustível!

    quanto À travagem… nao há pneus mágicos… cada pneu tem sua performance! não sei aonde querem chegar… e perante piso molhado o perigo é praticamente igual! bons pneus a nível de travagem e estabilidade sempre custaram fortunas!

    ruido??? deixem me rir… querem pouco ruído comprem carros elétricos que ja nao tem motor de combustão.

    • Zé To

      Epah tanta negatividade para qué? Eu com o meu C4, fasso 30 000km e a diferença entre um pneu classificado G e um A posso fazer ums 400euros de economias de carburante. Desculpa la mas da para pensar duas vezes.

      Se quiseres fazer a simulação existem simuladores tipo este link

      Nos queixamos de um rótulo que só quer dar mais visibilidade aos aspectos tecnicos dos pneus.

  • Mac

    Não sou defensor de nenhuma marca em particular, mas, mais de 20 anos de condução de ligeiros e mais de 1 milhão de KMS. com varios tipos e marcas de pneus utilizadas, tem-me levado nos ultimos 10 anos para a Michelin que sem sombra de duvida apresenta a melhor relação custo-beneficio-performance-durabilidade do mercado. Algumas vezes optei por uma marca de pneus mais barata e e outras até mais cara indicadas pela casa que os montava e dei-me mal.

    Mac

    • Joao

      Por acaso prefiro continental, vredestein e uniroyal. em preço qualidade para mim são melhores…. os michelin de nada surpreenderam e desgastaram mais rápido, assim como em arranque são os que mais facilmente patinam. os uniroyal por incrivel que pareça foram os melhores que tive para piso molhado, superou qualquer. a seco os vredestein, mas em juntando as duas os continental são óptimos…