Koenigsegg Regera desenhado para ser o melhor do mundo

Koenigsegg Regera desenhado para ser o melhor do mundo, pelo menos é o que a Marca Sueca deseja.

Traduzindo para Português, o seu nome quer significa, “Reinar”, e, é precisamente isso que a Marca Sueca de Supercarros quer que este espectacular, Koenigsegg Regera, ou seja, ser o melhor do mundo, o mais potente, mais rápido e o mais luxuoso. O melhor entre os melhores.

Segundo os responsáveis da Koenigsegg, afirmam que, “O único híper/megacarro que poderá bater este Regera numa pista é outro Koenigsegg”. Acrescentando, “A criação de um verdadeiro Dr. Jekyll & Mr. Hyde persona”.

Como todos os Koenigsegg, alucinantes, este Regera, não foge à regra e vem equipado com um poderoso motor V8 de 5 litros que debita 1100cv de potência e é auxiliado por três motores eléctricos. Mas, a Koenigsegg continua a anunciar “mais de 1500cv”, ou seja, fala-se em mais de 1800cv, sendo que o binário máximo andará acima dos 2000 Nm. Diríamos que com o Koenigsegg Regera, a Marca Sueca estará a dar uma resposta ao Bugatti Chiron. O Regera, só precisa de 20 segundos para percorrer dos 0 aos 4oo Km/h.

Localizados nas rodas, estão dois motores eléctricos, sendo que o terceiro, encontra-se ligado ao sistema Direct Drive System, que substitui a transmissão. Estes, são alimentados por um conjunto de baterias de 800V cada e de 4.5 kWh. O segredo está no seu peso, uma vez que pesam apenas 90 kg.

O Koenigsegg Regera não vem equipado com uma caixa de velocidades. Este, vem equipado com uma transmissão directa do motor para as rodas, graças ao sistema Koenigsegg Direct Drive (KDD) que conta com um diferencial traseiro de acoplamento hidráulico que por sua vez, faz a gestão da potência e transmite-a ao asfalto.

Nos anteriores Koenigsegg, que vêm equipados com pastilhas no volante para as normais transferências de relação das caixas de velocidades automáticas. O Regera vem igualmente equipado com essas pastilhas, mas, com funções diferentes, ou seja, a partilha da esquerda serve para aumentar o poder de regeneração de energia e a partilha da direita activa o acoplamento hidráulico para as operações de redução de velocidade.

A pesar mais 50 kg que a versão protótipo, o Koenigsegg Regera pesa apenas 1470 kg e tem acelerações dos 0 aos 100 km/h em apenas 2,8 segundos e dos 0 aos 300 km/h em apenas 10,9 segundos.

A versão final do protótipo, segundo a Koenigsegg, irá ter mais de 3 mil alterações, entre elas, o interior. Este foi bastante melhorado e conta com a inclusão de tecnologias de WIFI e um carregador sem fios para dispositivos móveis.

Como calque Koenigsegg, a produção do Regera, será muito exclusiva e limitada. Apenas 80 unidades serão fabricadas e ainda que não revelado, o preço irá rondar um valor acima dos dois milhões de euros. Mas, como já é habitual, para adquiri um supercarro da Marca Sueca, dinheiro não é problema e a prova são, a encomenda de 5 unidades.

Foto Galeria

Vídeo

Booking.com