Este foi o Primeiro Carro em Portugal. “Panhard et Levassor”

Panhard et Levassor

Foi em 1895 que Portugal teve o primeiro contacto com o automóvel. Adquirido em Paris pelo Conde Jorge de Avilez, o “Panhard et Levassor” dá entrada em Portugal, tornando-se assim no primeiro carro a circular cá. Despachado na Alfândega de Lisboa, foi desencaixotado e preparado para a viagem até Santiago do Cacém, local onde habitava o Conde de Avilez.

A velocidade máxima era da ordem dos 15 km/hora, durante o trajecto, foram muitas as peripécias, entre elas relata-se o atropelamento de um burro, lá chegou ao seu destino, “Santiago do Cacém”. Entre as muitas viagens que o senhor Conde de Avilez fez, encontram-se as idas a Beja e Évora. “Imaginem só a dureza dessas mesmas viagens, pois as estradas da época nada tinham a ver com as dos dias de hoje e o carro possuía rodados de madeira e aros de ferro”.

Em 1901o Conde de Avilez vendeu o Panhard et Levassor ao Senhor Mariano Sodré de Medeiros por setecentos mil réis, mas não se sentindo satisfeito com as performances do carro, acabou por o dar à troca por um “Decauville”, vendido por João Garrido, do Porto.

Decauville

Não há informação se se será este Decauville o primeiro automóvel que apareceu na cidade do Porto. Adquirido por Alberto Henrique Andersen em 1897, equipado com um motor Benz de 3 Cv. Contudo presume-se que este foi o primeiro negócio de automóveis, através do processo de troca em Portugal.

Desafio Renaul – Foi em 1898 que Louis Renault construí o seu primeiro automóvel, qual foi o motor que utilizou?

 

 

Booking.com