Sabia que os carros perdem potência com o calor?

Será que o calor interfere com a potência dos automóveis?

Sabia que os carros perdem potência com o calor?

Sabia que os carros perdem potência com o calor? Será que o calor interfere com a potência dos automóveis?

Talvez nunca se tenha apercebido de que o seu carro no verão fica um pouco mais lento ou com menor capacidade de resposta. Mas, é um facto que o calor interfere com a potência dos veículos.

Mas, qual é a razão é para que os carros percam potência, principalmente no verão?

A explicação pela qual o calor afeta os materiais que são utilizados na construção das várias peças do seu carro está a física.

Vamos analisar órgão a órgão, o porquê de o calor interferir na potência e performance do seu automóvel. Vamos também observar o que é que o calor faz aos restantes órgãos de um carro.

Motor

Com o calor, o motor perde potência, isto porque, os elementos do ar expandem. Assim, os cilindros do motor consomem o mesmo volume de ar mas contendo menos oxigénio, necessário para a combustão. Com menos oxigénio, a mistura é mais pobre e o movimento mais lento.

Travões

Em situações normais, os discos de travão aquando as travagens aquecem. No verão esse aquecimento é muito superior, tornando as travagens menos eficientes e ao mesmo tempo provocam aumento o consumo das pastilhas de travão. Como as travagens são menos eficientes, os condutores adoptam um estilo de condução mais defensivo, reduzindo a velocidade com ajuda do motor antes de travar. Por este motivo, os condutores acabam por retirar menor partido da performance do motor.

Pneus

A borracha dos pneus aquece mais que o ar e pode atingir temperaturas de 60 graus. A borracha adere mais ao asfalto mole, aumentando a degradação dos pneus e prejudicando as acelerações. Fica necessário aumentar a pressão dos pneus para reduzir a superfície de contacto e reduzir a degradação.

Periféricos

Em condições normais, elementos como o sistema de refrigeração e ar condicionado consomem alguma da energia do motor. Com o calor, estes aparelhos são usados em força máxima, consumindo ainda mais a potência e contribuindo para o carro circular ainda mais devagar.

No entanto, existem outros órgãos que sofrem com o calor e que não estão relacionados com a potência do motor.

Carroçaria

Exposição excessiva ao sol pode fazer a tinta rachar (expondo o metal ao ar) ou secar as borrachas (causando fendas para o interior). À falta de uma garagem, é sempre recomendável encontrar uma sombra para estacionar.

Interior

Tal como a carroçaria, também o interior sofre com o sol, com a exposição a aumentar o número de partículas saídas dos plásticos. Isto pode contribuir para expor os utilizadores do carro a substâncias cancerígenas. É recomendável tapar os vidros para bloquear o sol.

 

Booking.com