Piloto Jules Bianchi morreu no circuito de Fórmula 1 de Suzuka

Piloto Jules Bianchi morreu no circuito de Fórmula 1 de Suzuka

Piloto Jules Bianchi morreu no circuito de Fórmula 1 de Suzuka. A última morte na Fórmula 1, aconteceu há 21 anos, quando Ayrton Senna morreu no perigoso circuito de Fórmula 1 de Imola (San Marino).

Ontem, Jules Bianchi morreu após nove meses em coma, na sequência do acidente sofrido a 5 de Outubro de 2014, no Grande Prémio do Japão, é a primeira vítima mortal na Fórmula 1 em mais de 20 anos.

Importante referir que após as mortes de Senna e Ratzenberger, a FIA implementou medidas de segurança na Fórmula 1, tanto nas pistas como nos carros, tiveram um crescimento gradual e a lista de acidentes fatais manteve-se em branco até agora.

Deixamos aqui a lista dos pilotos vítimas de acidentes mortais ao longo da história da Fórmula 1.

Mortes na Fórmula 1:

1954, GP Alemanha, treinos: Onofre Marimón, ARG

1958, GP França, corrida: Luigi Musso, ITA

1958, GP Alemanha, corrida: Peter Colling,ING

1958, GP Marrocos, corrida: Stuart Lewis-Evans, ING

1960, GP Bélgica, corrida: Chris Bristow, ING

1960, GP Bélgica, corrida: Alan Stacey, ING

1961, GP Itália, corrida: Wolfgang von Trips, ALE

1964, GP Alemanha, treinos: Carel Godin de Beaufort, HOL

1966, GP Alemanha, corrida: John Taylor, ING

1967, GP Mónaco, corrida: Lorenzo Bandini, ITA

1968, GP França, corrida: Jo Schlesser, FRA

1969, GP Alemanha, corrida: Gerhard Mitter, ALE

1970, GP Holanda, corrida: Piers Courage, ING

1970, GP Itália, qualificação: Jochen Rindt, AUS

1973, GP Holanda, corrida: Roger Williamson, ING

1973, GP EUA, qualificação, François Cevert, FRA

1974, GP África do Sul, treinos: Peter Revson, EUA

1974, GP EUA, corrida: Helmuth Koinigg, AUS

1975, GP Áustria, treinos: Mark Donohue, EUA

1977, GP África do Sul, corrida: Tom Pryce, ING

1978, GP Itália, corrida: Ronnie Peterson, SUE

1982, GP Bélgica, qualificação: Gilles Villeneuve, CAN

1982, GP Canadá, corrida: Riccardo Paletti, ITA

1994, GP San Marino, qualificação: Roland Ratzenberger, AUS

1994, GP San Marino, corrida: Ayrton Senna, BRA

2014, GP Japão, corrida: Jules Bianchi, FRA*

*Faleceu a 17 de julho de 2015, depois de nove meses em coma

Booking.com
  • Nuno Figueiras

    Infelizmente o desporto motorizado tem destas coisas…