Locais dos novos Radares fixos

Estes são os locais onde estão colocados os novos radares fixos

Locais dos novos Radares fixos. Há algumas semanas atrás, o Automoveis-Online escreveu um artigo sobre os novos radares fixos, que em boa verdade, de fixos não tem nada, isto porque, são 50 cabinas, que irão receber os 30 radares móveis do Sistema Nacional de Controlo de Velocidade (SINCRO), até janeiro próximo, vão ser instaladas em 26 vias.

No seguimento da comunicação da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR), as auto-estradas A1 e A5 vão ter o maior número de cabinas e serão quatro. Estas auto-estradas ligam, respectivamente, Lisboa ao Porto, e Lisboa a Cascais. A auto-estrada que vai ter menos cabines, apenas uma é na A8, ou seja, a auto-estrada Lisboa/Leiria, via Caldas da Rainha.

A lista dos locais onde vão ser colocados os novos radares fixos, contempla 14 auto-estradas, os Itinerários Principais IP 3 (Vila Verde da Raia/Figueira da Foz) e IP7 (Lisboa/Caia), três itinerários complementares, o IC 17 (Algés/Sacavém), o IC 19 (Lisboa/Sintra) e o IC 20 (Almada/Costa de Caparica), e ainda seis estradas nacionais e uma regional, a 125, que se localiza no Algarve.

As cabinas que vão receber os novos radares, vão ser colocadas com abrangência dos dois sentidos das vias rodoviárias.

Para além das já referidas auto-estradas, A1, da A5 e da A8, vão ser colocadas duas cabines na A2, que liga Lisboa a Albufeira, duas cabines na A3 que liga Porto a Valença via Braga, uma cabine na A, entre Porto e Quintanilha, uma cabine na A4 entre Porto e Matosinhos, uma cabine na A7 que liga Póvoa de Varzim a Vila Pouca de Aguiar e duas cabines na A24, que liga Coimbra a Vila Verde da Raia.

Na A25 vão ser instaladas três cabinas entre Aveiro e Vilar Formoso, na A28 duas cabines entre Porto e Valença, via Viana do Castelo, na A29 vão estar três cabines, Angeja, Albergaria-a-Velha e Vila Nova de Gaia.

As Estradas Nacionais (EN) vão contar com duas cabinas, na n.º 1, que liga Lisboa ao Porto, e outra em cada uma das estradas nacionais 04, 06, 10 e 223, além de duas cabinas na EN 06-3.

Quanto às estradas regionais, só a 125 e´que vai ter cabines e são três.

Tal como o Automoveis-Online explicou em artigos anteriores, o SINCRO é um sistema de detecção automática da infracção de excesso de velocidade. O sistema irá funcionar em pleno em janeiro de 2017 e os radares móveis serão instalados em 50 locais considerados “extremamente críticos”.

Segundo o Ministério da Administração Interna –  MAI, a comunicação da informação dos radares, realiza-se através da aplicação Sistema de Gestão de Eventos de Trânsito (SIGET), que fará o interface com o Sistema de Contra-ordenações de Trânsito (SCoT), para a emissão das notificações aos condutores.

O primeiro dos 30 radares do SINCRO entrou em funcionamento na quarta-feira, e está instalado na A5.

Auto-estradas

Quatro na A1 – Lisboa/Porto

Quatro na A5 – Lisboa a Cascais

Uma na A8 – Lisboa/Leiria, via Caldas da Rainha

Duas na A2 – Lisboa a Albufeira

Duas na A3 – Porto/Valença via Braga

Uma na A4 – Porto/Quintanilha

Uma na A41 – Porto/Matosinhos

Uma na A7 – Póvoa de Varzim/Vila Pouca de Aguiar

Duas na A24 – Coimbra/Vila Verde da Raia

Três na A25 – Aveiro/Vilar Formoso

Duas na A28 — Porto/Valença, via Viana do Castelo

Três na A29 – Angeja, no concelho de Albergaria-a-Velha/Vila Nova de Gaia.

Itinerários Principais

IP 3 – Vila Verde da Raia/Figueira da Foz

IP7 – Lisboa/Caia

Itinerários complementares

IC 17 – Algés/Sacavém

IC 19 – Lisboa/Sintra

IC 20 – Almada/Costa de Caparica

Estradas Nacionais

Duas na N.º 1 – Lisboa ao Porto

Uma cada uma das estradas nacionais 04, 06, 10 e 223, além de duas cabinas na EN 06-3.

Estrada regional

Três na 125

Booking.com