Auto-estrada com marcas rodoviárias que brilham no escuro sem gastos energéticos

Auto-estrada com marcas rodoviárias que brilham no escuro sem gastos energéticos

Auto-estrada que brilha no escuro sem gastos energéticos. O projecto é do conceituado artista Holandês Daan Roosegaarde, que garante que pode ser aplicado noutros países. Entre outras vantagens, o artista holandês, garante mais segurança nas auto-estradas e poupança energética.

Foi em Abril deste ano que apareceram as primeiras e fantásticas imagens da primeira auto-estrada que tem marcas rodoviárias que brilham no escuro. Neste projecto é muito importante salientar a eficiência energética, uma vez que as marcas que brilham no escuro, alimentam-se da luz do sol e a segurança para quem utiliza a auto-estrada. Uma vez que, com estas marcas rodoviárias a auto-estrada fica muito bem sinalizada o que por si só é uma grande vantagem para os condutores. A instalação das marcas rodoviárias ficaram concluídas este mês e para além de ser uma mais-valia em termos de segurança, poderá via a fazer parte da iluminação das auto-estradas num futuro próximo. Agora, a ideia é passar o conceito para as ciclovias.

Daan Roosegaarde, é conhecido pelos seus projectos, entre eles, o Dune, projecto que transformou a paisagem junto ao rio Maas, em Roterdão. Fê-lo através de um sistema de iluminação com LEDs, com sensores e sons incorporados, que se alteram com o movimento de quem passa. O projecto Intimacy, incide na moda high-tech, e-foils opacos com o aspecto de um tecido, tornam-se transparentes consoante o batimento cardíaco de quem usa a roupa para voltarem a ser opacos de novo.

O projecto de que hoje estamos a escrever, chama-se Smart Highway, ganhou notoriedade e passou da fase de projecção para a fase da concretização. Este projecto consiste em seis linhas rodoviárias verdes fluorescentes, em que foram colocadas três em cada lado da auto-estrada N329 em Oss, Holanda. Estas, destacam-se na escuridão e iluminam o caminho para os condutores. As marcas rodoviárias que delimitam a via são feitas com um pó especial luminescente misturado com a tinta usada nas estradas.

Tecnicamente, o pó especial, “alimenta-se” da luz do Sol e, ao estar “carregada”, permanece iluminada à noite, durante mais de dez horas. O objectivo é “inovar a experiência de condução”, melhorar a segurança rodoviária e tornar a iluminação das vias mais económica, como explicou Roosegaarde.

Daan Roosegaarde está envolvido noutros projectos e pretende concretizar perto de 20 novas ideias durante os próximos cinco anos.

Agora, Daan Roosegaarde encontra-se em Pequim a construir um parque livre de nevoeiro através de um enorme sistema de sucção idêntico ao de um aspirador e que pretende que seja o maior do mundo.

Booking.com